Saúde de Goianá recebe Moção de Parabenização da Câmara de Coronel Pacheco

Saúde de Goianá recebe Moção de Parabenização da Câmara de Coronel Pacheco

A qualidade dos serviços de saúde de Goianá vai além das fronteiras do Município. Prova disso é a Moção de Parabenização proposta pelo vereador Rafael Alberto Mourão e aprovada pelos demais vereadores da Câmara Municipal de Coronel Pacheco. A assistência oferecida aos moradores da vizinha cidade sempre que solicitado foi a justificativa para o reconhecimento aprovado naquela Casa. Continue Lendo

PSF de Goianá funciona neste sábado no Dia “D” contra a gripe

PSF de Goianá funciona neste sábado no Dia “D” contra a gripe

A campanha segue até o dia 31, mas a programação vai dar uma forcinha para quem está com dificuldade para tomar a vacina contra a gripe de segunda à sexta-feira. Neste sábado, Dia “D” da campanha, a Sala de Vacinas do PSF de Goianá vai fazer hora-extra, com atendimento de 8 às 17 horas. Confira no quadro se você está num dos grupos prioritários e compareça para se proteger. Não se esqueça do cartão de vacinas. Continue Lendo

Com implantação da dermatologia, Prefeitura quase triplica especialidades na UBS

Está chegando para reduzir uma grande demanda reprimida a sétima especialidade médica que a atual Administração Municipal coloca à disposição dos goianaenses na UBS. Neste sábado, dia 6, começa o atendimento em dermatologia. Os atendimentos serão feitos sempre no primeiro sábado de cada mês. As marcações devem ser feitas na UBS. Continue Lendo

Investimento na Saúde de Goianá é o maior da região

Fonoaudióloga está entre os novos profissionais contratados desde o início do ano

Levando-se em conta os primeiros dados de 2017, Goianá foi o município que mais investiu em Saúde, entre as 37 cidades da microrregião de Juiz de Fora. O bom desempenho se deve, principalmente, à criação de novas especialidades para atender a população no próprio município.

É o caso da cardiologia, da urologia, da psiquiatria, da fonoaudiologia e da nutrição, que passaram a ser ofertadas na Unidade Básica de Saúde por especialistas contratados.

“Estamos indo além do que determina o Ministério da Saúde para municípios do porte de Goianá. Mais do que oferecer a Atenção Básica, temos ampliado o acesso às especialidades, visando ao atendimento amplo e de qualidade”, explica o secretário de Saúde Lúcio Alvim.

Goianá segue campanha nacional e vacina contra a gripe

Goianá está em sintonia com o resto do País no combate à gripe, ao integrar a Campanha Nacional de Vacinação Contra a Influenza. Até o dia 26 de maio a vacina estará à disposição na Unidade Básica de Saúde para as pessoas que estão nos grupos prioritários.

Seguindo o calendário do Ministério da Saúde, o dia “D” de combate à doença será o sábado, 13 de maio, quando UBS funcionará em horário especial, a exemplo dos demais municípios do restante do País.

A meta é vacinar 54,2 milhões de pessoas em todo o Brasil. Este ano, a novidade da campanha é a inclusão dos professores da rede pública e privada no público alvo, com direito a receber a imunização gratuitamente no SUS. A contraindicação é para quem tem alergia severa a ovo.

Confira quem recebe a vacina pelo SUS

  • Crianças de 6 meses a menores que 5 anos (quatro anos, 11 meses e 29 dias)

  • Gestantes

  • Puérperas (mulheres que estão no período de até 45 dias após o parto)

  • Idosos (a partir de 60 anos)

  • Profissionais da saúde

  • Povos indígenas

  • Pessoas privadas de liberdade e funcionários do sistema prisional

  • Portadores de doenças crônicas e outras doenças que comprometam a imunidade

  • Professores de escolas públicas ou privadas

Três subtipos

De acordo com o Ministério da Saúde, a vacina oferecida nos postos de saúde protege contra os três subtipos do vírus da gripe que mais circularam no país: A/H1N1; A/H3N2 e influenza B.

No total, 60 milhões de doses de vacinas foram adquiridas, sendo que 21,1 milhões de doses já foram distribuídas aos estados.

Os grupos prioritários devem se vacinar todos os anos, já que a imunidade contra os vírus cai progressivamente. Além disso, o vírus da gripe passa por mutações frequentes.

Plantão aos sábados realiza antigo sonho dos goianaenses

Já no dia 2 de janeiro, a Administração Municipal atendeu a uma antiga reivindicação do povo goianaense. O plantão médico passou a funcionar aos sábados na Unidade Básica de Saúde, de 7 às 17 horas, para urgência e emergência. Agora a equipe formada por um médico, uma enfermeira e uma técnica de enfermagem fica disponível durante seis dias por semana, ampliando o acesso ao atendimento de qualidade.