Compromisso cumprido: PROAGO entrega sementes de feijão adquiridos em compra conjunta

Compromisso cumprido: PROAGO entrega sementes de feijão adquiridos em compra conjunta

A compra conjunta de sementes de feijão é outra ação que teve continuidade garantida pela Prefeitura de Goianá, apesar de todas as dificuldades financeiras. Compromisso assumido com o homem do campo, a parceria está prevista no PROAGO (Programa Alimenta Goianá) e assegura aos pequenos agricultores uma redução significativa na aquisição das sementes. Continue Lendo

Com incentivo da Prefeitura, empresa se instala na cidade garantindo empregos e mais desenvolvimento

Com o incentivo direto da Administração Municipal, Goianá dá mais um passo importante pela criação de emprego e renda na cidade. A Primore Estofados iniciou hoje, 15/04, as atividades na unidade instalada num galpão que terá os custos com aluguel cobertos pelo município. De acordo com os planos da empresa, serão aproximadamente 20 empregos gerados ainda este mês, avançando para 50 vagas preenchidas até o final do ano. Continue Lendo

Pela saúde e o meio ambiente: resíduos no depósito controlado são separados e organizados

Ação desenvolvida pela Diretoria de Meio Ambiente, juntamente com a Secretaria de Obras, comprova a responsabilidade da Administração Municipal no controle do lixo. No depósito controlado da cidade, os materiais foram devidamente separados para serem recolhidos pela empresa responsável pela coleta de lixo na cidade.

A área fica na Rua Adjalma Canedo, no bairro Progresso. É lá que caminhões e carroceiros da cidade depositam galhos, pedaços de madeira, restos de capina, entulho, metais, pneus e outros materiais não recolhidos pelo caminhão de lixo. Periodicamente, a empresa da coleta recolhe todo o resíduo e dá a devida destinação.

Bom para quem vende, melhor para quem compra

Lançada pela Prefeitura este ano, a Feira da Produção Artesanal e da Agricultura Familiar de Goianá já caiu no gosto da população. No espaço montado todos os sábados, de 7 às 12 horas, as famílias goianaenses gastam bem pouco e levam para casa produtos de qualidade comercializados diretamente pelo produtor.

A iniciativa tem a participação da Afago, que cede o terreno próximo ao Ginásio do Mineirinho, para a montagem da feira. Também fazem parte da parceria a Associação Assentamento Dênis Gonçalves (Fazenda de Santana), a Emater e o Governo de Minas, que cede as barracas dentro do Programa Minas Sem Fome. A doação foi firmada, atendendo a uma indicação do deputado Estadual Lafayette Andrada.

A feira livre é um empreendimento que valoriza a identidade, gera trabalho, ocupação, renda e receitas que dinamizam a economia municipal. É, também, um espaço de socialização, profissionalização e inclusão socioeconômica do agricultor e de sua família. Lá os visitantes têm acesso a alimentos mais frescos e saudáveis e passam a conhecer e a valorizar o artesanato local.

Gerando emprego e desenvolvimento

A Secretaria de Desenvolvimento Econômico já faz estudos para inserir a geração de emprego e renda no Município num projeto estratégico e duradouro. As ações dos 100 primeiros dias de 2017 comprovam a decisão. O suporte oficial é mantido na íntegra para as empresas enquadradas na Lei nº 414/20017, que autoriza a concessão de benefícios a empresas, como incentivo ao desenvolvimento econômico do Município. Além de manter os postos de trabalho existentes, a meta é atrair mais investimentos e criar novos empregos.

Capacitações preparam para o trabalho e geração de renda

A formação profissional é o principal foco das capacitações realizadas pela Prefeitura, com a participação direta do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar). Em 2017, essa parceria promissora já trouxe três cursos a Goianá.

O Curso de Aparação de Cascos e Ferrageamento aconteceu no período de 6 a 10 de março, no Assentamento Dênis Gonçalves (Santana). Mesmo local do Curso de Prevenção de Acidentes, entre 28 e 31 de março. Já o Curso de Artesanato de Fibras Naturais foi realizado no Centro Cultural, de 3 a 7 de abril.

Compra conjunta tem muito mais beneficiados

O incremento no Programa da Compra Conjunta de Feijão chama a atenção. O número de produtores beneficiados subiu de 19 para 49. A Prefeitura arca com mais de 70% do valor das sementes. Com o incentivo, a expectativa é que a próxima safra chegue a 60 toneladas de grãos produzidos.